top of page
Buscar
  • Beatriz Martins

Você sabia que é possível aproveitar áreas alagadas e reduzir a conta de energia?

Muito utilizado no agronegócio, o sistema de energia solar flutuante pode diminuir em até 95% sua tarifa elétrica e ainda ajuda a reduzir a perda de água por evaporação.


Além da sustentabilidade que está enraizada em seus negócios, os sistemas fotovoltaicos vão muito além. As usinas solares flutuantes são interessantes em locais onde a alta densidade populacional pode tornar o custo de um pedaço de terra extremamente alto ou quando não há terreno adequado para a instalação do tipo tradicional.


Como funciona?


As instalações flutuantes consistem normalmente em um conjunto de painéis solares montados sobre uma estrutura metálica de inclinação fixa em balsas flutuantes. Essas plataformas flutuantes podem ser ancoradas no fundo de reservatórios, lagos ou diretamente na costa mais próxima.


A corrente elétrica dos painéis é geralmente transportada através de cabos subaquáticos para a costa mais próxima, onde os inversores estão localizados. Depois dos inversores, a corrente passa pelo transformador. Finalmente, usando uma linha de transmissão ou distribuição, a energia é injetada na rede ou alimentará diretamente um centro de consumo.



Quais as vantagens de sistemas solares flutuantes?


  • Apresentam melhor rendimento devido ao efeito de resfriamento da água e menor impacto de sujeira nos painéis;

  • Podem ser usadas em locais onde a alta densidade populacional pode tornar o custo de um pedaço de terra extremamente alto ou quando não há terreno adequado para a instalação do tipo tradicional.

  • Apresentam bom custo-benefício.

  • Reduzem a evaporação de água dos reservatórios, o que é especialmente interessante em áreas onde a água é utilizada para agricultura, o abastecimento de água à população civil ou qualquer caso em que a água doce seja um recurso limitado;

  • Despesas reduzidas ou nulas em obras civis e terraplenagem, que em alguns casos podem ter grande impacto ambiental.


Dentro da indústria fotovoltaica, um novo ramo de rápido crescimento surgiu na forma de sistemas flutuantes. Esses tipos de usinas solares fornecem um novo cenário para as energias renováveis, o que possibilitaria a certos países um mix de energia de mais limpo e com menor impacto ambiental, enquanto se beneficiam de superfícies ociosas.


1 visualização0 comentário
bottom of page